quarta-feira, 7 de julho de 2010

Bragança ganha Inventário Cultural e lança selo comemorativo


Um selo comemorativo à Marujada do Glorioso São Benedito de Bragança-Pa, um ritual de fé, dança e louvor que ocorre desde 1798 no município, será um dos presentes que a cidade irá receber amanhã no seu aniversário de 397 anos. Segundo Toni Soares, secretário municipal de cultura, o selo é uma ratificação da lei 7.330 de autoria da deputada Simone Morgado (PMDB), homologada em dezembro no ano passado e que tornou a Marujada um Patrimônio Cultural do Pará. “Essa lei resgata a importância cultural dessa manifestação bicentenária que é a Marujada, prevendo sua conservação e inclusão nos calendários histórico, cultural e turístico anual do Estado”, disse o secretário.
Além deste presente, Bragança também ganhará um Inventário Cultural com o registro das mais variadas formas de manifestações e costumes existentes na região. De acordo com a Secretaria de Cultura do município o inventário é o resultado de dois anos de pesquisa e faz uma catalogação da identidade cultural dos bragantinos. A realização do projeto é uma parceria da prefeitura de Bragança com a Fundação Hilário Ferreira e a Fundação Tancredo Neves, através da lei Semear.
O lançamento do Inventário e do selo ocorrerá amanhã, às 18:30h, no Teatro Museu da Marujada, em Bragança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário